domingo, 19 de fevereiro de 2012

O realismo naturalista de Quine

Autor: Alexandre Machado

O livro de Bulcão é muito bem escrito, bem argumentado e claro. Até onde sei, é um dos melhores textos em português sobre Quine já publicados. Ele é importante não apenas para a exegese da obra de Quine, mas para diversas discussões correntes na filosofia contemporânea, em filosofia da linguagem, filosofia da lógica, filosofia da ciência, epistemologia e metafísica. Como o Prof. Porchat diz na introdução, o livro tem a falsa aparência de um texto puramente exegético, pois, em boa parte do texto, Bulcão procura não apenas expor, mas também defender as idéias de Quine. E é justamente por essas duas razões que, nesta pequena nota, não farei um resumo dessa obra, mas discutirei brevemente uma tese de Quine exposta e defendida por Bulcão.


Citação: Machado, Alexandre (2011). “Resenha de  O Realismo Naturalista de Quine ”. Sképsis: ano IV, n. 6, pp. 122-127.

Nenhum comentário:

Pesquise artigos filosóficos na internet

Loading