sábado, 21 de janeiro de 2012

O PRINCÍPIO DE NÃO-CONTRADIÇÃO É REVISÁVEL?

Autor: Rogério Passos Severo

Podem existir esquemas conceituais alternativos, que são tão radicalmente distintos do nosso a ponto de não conterem nada que se pareça com o Princípio de Não-Contradição. Essa possibilidade é sugerida pelo holismo de Quine. O autor defende essa possibilidade contra três objeções, argumentando que ela é empiricamente plausível, à medida que é inteligível.


Citação: Severo, Rogério Passos (2007). "O princípio de não-contradição é revisável?". Barbarói: n. 26.

Nenhum comentário:

Pesquise artigos filosóficos na internet

Loading