sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Tradução de Bird, Alexander (2006). “Potency and Modality”. Synthese: vol. 149, pp. 491-508.

Tradutor: Rodrigo Reis Lastra Cid


Chamemos uma propriedade que é essencialmente disposicional de potência. David Armstrong pensa que as potências não existem. Todas as propriedades esparsas são essencialmente categóricas, onde propriedades esparsas são as propriedades explicativas do tipo que a ciência quer descobrir. Uma visão alternativa, mas não apenas uma, é que todas as propriedades esparsas são potências ou sobrevêm a elas. Neste artigo, vou considerar as diferenças entre essas visões, em particular a objeção que Armstrong levanta contra as potências.



Esta tradução pode ser lida na íntegra aqui.


Referência: Cid, Rodrigo (2011). "Tradução Bird, Alexander (2006). “Potency and Modality”. Synthese: vol. 149, pp. 491-508." Intuito: vol. 4, n. 1.

Nenhum comentário:

Pesquise artigos filosóficos na internet

Loading