quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Resultado do Desafio Sherlock Holmes - Coquetel & IF

Informamos aos leitores do IF que o vencedor do Desafio Sherlock Holmes - Coquetel & IF, publicado aqui nesta terça-feira, é o Marcelo Fishborn. Recebemos várias soluções - felizmente todas corretas. Segue a explicação oferecida pelo próprio Marcelo:

Ambos, Mori e Art, disseram que são assassinos. E Mori disse, além disso, que ao menos um deles não é assassino. O que Mori disse por último é verdadeiro ou é falso. Se for falso (se Mori for um falseoso), então ambos são assassinos, pois não haverá nem “pelo menos um que não é assassino”. Mas esta situação é impossível. Pois, dado que ambos disseram ser assassinos, ambos teriam falado a verdade no primeiro momento, mas Mori teria dito, além disso, uma falsidade posteriormente. Isso não é permitido pela definição de ‘veritoso’ e ‘falseoso’, pois um veritoso fala sempre a verdade, e um falseoso sempre a falsidade. A última afirmação de Mori, portanto, deve ser verdadeira, ou seja, ao menos um deles não é assassino. Como neste caso Mori é veritoso, o que disse inicialmente também tem de ser verdadeiro. Assim, Mori é realmente um assassino, dado que ao menos um deles não é assassino, só resta a Art ter mentido e não ser o assassino. Assim, Art é um falseoso. Ele mentiu inicialmente e não é assassino. E Mori é veritoso, e foi o assassino.

Elementar, meu caro Marcelo - parabéns. E fiquem antenados, pois segunda-feira estaremos postando mais um desafio!

Nenhum comentário:

Pesquise artigos filosóficos na internet

Loading