segunda-feira, 28 de maio de 2012

McTaggart e o problema da realidade do tempo

Autor: Rodrigo Cid

Resumo: É comum, até entre os leigos, a dúvida sobre a realidade do tempo. Pensamos que é possível que o tempo seja uma ilusão e que a percepção de sua passagem seja apenas percepção de outra coisa que não o tempo. Há uma série de argumentos, feitos por filósofos, tanto para defender, quanto para atacar a intuição de que o tempo é real. Um deles, e talvez o mais conhecido, é o argumento de McTaggart, que tenta estabelecer uma certa condição para que exista o tempo e que o tempo, pensado segundo tal condição e aplicado à realidade, nos leva a uma contradição; o que o faz concluir que o tempo não pode existir, e que, portanto, não existe. O que eu pretendo neste artigo é expor o argumento de McTaggart junto com algumas objeções originais e não originais, e tentar mostrar que, se aceitamos a abordagem de Prior do fluxo do tempo, a cogência do argumento de McTaggart se perde.


Palavras-Chave: Metafísica. Realidade do Tempo. Argumento de McTaggart.

Abstract: It is common, even among the laity, the doubt about the reality of time. We think it is possible that time is an illusion and that the perception of his passage is just awareness of something other than time. There are a number of arguments made by philosophers, both to defend and to attack the intuition that time is real. One of them, and perhaps the best known, is the argument of McTaggart, which tries to establish some condition for the existence of time and that time, thought through that condition and applied to reality, leads to a contradiction, which makes him conclude that time can not exist. What I intend in this article is to present the argument of McTaggart along with some original and non-original objections, and try to show that if we accept the Prior's approach of the flow of time, the cogency of the argument of McTaggart is lost.

Key-Words: Metaphysics. Reality of Time. McTaggart's Argument.


Citação: Cid, Rodrigo (2011). "McTaggart e o problema da realidade do tempo". Argumentos - Revista de Filosofia: ano 3, n. 5.

Nenhum comentário:

Pesquise artigos filosóficos na internet

Loading